3 de jun de 2011

Tomate, o poder curativo do licopeno


O licopeno é um carotenóide que confere a cor vermelha ao tomate e pode ser também encontrado, em menores quantidades, na melancia, na goiaba, no morango e no mamão. Quanto mais intensa for a cor vermelha do tomate, mais rico em antioxidante ele será. Portanto, quanto mais maduro o tomate, tanto melhor!

Por ser um carotenóide, o Licopeno é melhor absorvido na presença de gorduras saudáveis. A adição de uma dose moderada de gordura monoinsaturada facilita o transporte, a absorção e a ação do Licopeno no organismo. Por isso, para tornar sua preparação à base de tomates ainda mais poderosa e saudável, acrescente 1 fio de azeite de oliva extra-virgem processado à frio.

Prefira tomates cozidos! Outra característica observada pelos estudos foi que o calor aumenta a iodisponibilidade do licopeno, ou seja, esse fitoquímico é melhor absorvido pelo nosso organismo quando os tomates são cozidos. Ou seja, priorize os molhos e sopas de tomate.

O processo de industrialização do tomate, para a elaboração de molhos prontos, catchup e outros, não destrói o licopeno, no entanto, observe com atenção os rótulos e escolha aqueles com menores teores de calorias e sódio.

Além do "superpoderoso" Licopeno, os tomates são também fontes de Vitamina C e de Potássio, mineral importante no controle da pressão arterial, nas contrações musculares, na saúde das artérias e na manutenção dos líquidos celulares.

Mais sobre o LICOPENO
* Apoio Antioxidante para a saúde cardiovascular.
* Licopeno é um pigmento vermelho que dá ao tomate sua brilhante cor vermelha.

Estudos científicos recentes sobre esta substâncias fitoquímicas indicam que este licopeno exibe propriedades antioxidantes que protegem o corpo contra os danos causados pelos radicais livres e pode também ajudar a apoiar e sustentar a saúde da próstata, algo que tem preocupado muitos homens.

Licopeno é o principal constituinte ativo nos tomates, tem recebido bastante das pesquisas sobra o câncer da próstata. Entretanto, há alguns debates dentro da indústria sobre qual realmente é melhor—somente licopeno ou licopeno juntamente com outras substâncias fitoquímicas naturais encontradas no tomate.

De acordo com algumas pesquisas publicadas no Jornal do Instituto Nacional do Câncer, indicam que uma combinação das substâncias fitoquímicas naturais encontradas nos tomates, e não só o licopeno, podem ajudar a diminuir o risco de mortes resultando do câncer da próstata. Estudos conduzidos por pesquisadores de Universidades mostram que os ratos que se alimentaram de uma dieta contendo pó de tomate, que continha todas as substâncias fitoquímicas importantes do tomate, tiveram um menor risco de vida relacionado ao câncer da próstata, do que os ratos alimentados de uma dieta contendo licopeno sintético.

Em um estudo publicado, cientistas descobriram que o licopeno puro reduz significativamente o efeito do hormônio masculino, androgênio, na próstata. De acordo com os pesquisadores, os androgênios atuam um papel chave no desenvolvimento do câncer de próstata nos homens durante a vida. Em co-operação com os Alemães, cientistas usaram um modelo animal de câncer de próstata para imitar o câncer humano. Os animais se alimentavam de licopeno, vitamina E, uma combinação dos dois ou uma mistura de um placebo, por quatro semanas. Logo após receberam uma injeção de células de câncer de próstata em suas próstatas. Estas células de câncer cresceram e se tornaram tumores dentro de duas semanas. Dando licopeno, e também a vitamina E, causou um maior número de morte das células, o que foi mostrado pelas áreas maiores dos tecidos mortos nos tumores da próstata.

De acordo com o líder dos pesquisadores, J. Elliot, os pesquisadores descobriram que o licopeno interfere com a ativação local de androgênio nivelando a 5-alfa-reductase, a enzima chave para a transformação de testosterona para DHT. Além disso, o licopeno diminui as expressões de duas citosinas prostáticas, IGF-I e IL-6, ambos sendo fatores de risco para o câncer de próstata.

Entre outros benefícios podemos destacar ainda que o tomate traz a estimulação da secreção gástrica e da ação depurativa do sangue, é auxiliar em tratamento de pele, gota, reumatismo, astenia e prisão de ventre. Favorece o crescimento e a ossificação, além de ser auxiliar contra as infecções bacterianas, perturbações digestivas e pulmonares.

É eficaz em tratamentos contra a caspa e queda de cabelos. No caso de queimaduras de Sol, o sumo de tomate pode ser passado no local várias vezes por dia.

Os tomates são as fontes alimentares mais ricas em anticoagulantes.
Fonte: www.apanaceiaessencial.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário