11 de out de 2011

08/10/11 – Sanduíche de carne moída, isto sim, é que é CILADA!


Sábado, fim de semana sem dieta. Isto realmente não parece estar funcionando. A questão é que eu deveria ser livre na qualidade e não na quantidade. Mas gordo sem vergonha e vicimida tenho deslizado neste ponto. Gordo que é gordo gosta de quantidade porque quer o prazer do vício durando o máximo de tempo possível. Estúpido, claro. Mas eu sou mais estúpido do que os estúpidos! Porque eu sei, mas sempre caio na mesma cilada.

Hoje, tive trabalho, cansativo mas bacana. Banquei o palhaço para crianças carentes e lá fomos nós, eu minha esposa e colegas para fazermos pinturas artísticas. Foi muito legal interargir com a garotada.

Maaaaaaaaaassssss...olha a cilada! Sanduíche da carne moída! Foi o que nos serviram...uma caixa! Sério! Uma caixa enorme cheia de lanches. Lanche de carne moída, como eu comia nos velhos tempos da infância em quase todas as festas de casamento e aniversário! Nostalgia e gulodice juntas? Combinação imbatível para engordar, não é mesmo?

Pois então, foi que foi. E em casa mais tarde, todo o cansaço, vontade comer uma coisa gostosa e tinha! Arroz doce! Pois é...

Caí na maior cilada, povo, sou um vicimida imbecil e palhaço ...de profissão! Aiaiaiai...

Mas, bola para frente ...quem fica parado no jogo é goleiro! Hahaha!

Abraço!

Nenhum comentário:

Postar um comentário