8 de nov de 2011

05-06/11 – Eu sou TERRÍVEL! Roberto Carlos que se cuide!



EU SOU TERRIVELmente BURRO!!! Hahaha! Nisso, eu também sou o REI. Glórias eternas para o RC, mas não esqueçam do RG, não é documento é Rei Gordro! Hahaha!

Rei Gordro já cantou muito! Querem ver? Quando eu vejo uma bela feijoada canto: “Eu tenho tanto para te falar/mas com palavras não sei dizer/como é grande o meu amor por você!” Hahaha!

Ou então diante de uma belíssima salada eu já cantei: “Não quero mais seu amor, não pense que eu sou ruim, vou procurar outro alguém...você...não serve pra mim!”

Já viram banquete de reveillon? Meu estômago já entra na melodia:

“Quando eu estou aqui/Eu vivo esse momento lindo/Olhando pra você/E as mesmas emoções sentindo...”

E na segunda, quando a gente não pode comer nada? Eu olho para comida e canto: “Quando você se separou de mim/Quase que a minha vida teve fim/Sofri, chorei tanto que nem sei/Tudo que chorei por você, por você oh, oh, oh”

Tudo não fica mais saboroso no frio? Eu adoro carne de panela! Com batatas, costela com mandioca, uau! E as homenageio desse jeito:

“De que vale o céu azul e o sol sempre a brilhar/Se você não vem e eu estou a lhe esperar/Só tenho você no meu pensamento/E a sua ausência é todo o meu tormento/Quero que você me aqueça nesse inverno/E que tudo mais vá pro inferno”. Hahaha!

Pois é, “bicho”, são tantas emoções! Dieta não é uma brasa, mora! Eu sou terrível...mente burro! Ainda não consigo parar de exagerar no fim de semana. “Parei na contramão”, gente! Vou pegar minha força de vontade “calhambeque” e seguir a estrada do Caminho do Gordo! Bye! Byyye! Byyyyyyeee!



E no mais “Jesus Cristo, eu estou aqui!”

Abraço!

Nenhum comentário:

Postar um comentário